Posts Tagged ‘meninas’

Férias

Janeiro 21, 2010

Janeiro e o verão tomaram conta das férias escolares. Alunos, professores e famílias gastaram seu tempo viajando, passeando e curtindo de diferentes maneiras.

Durante as férias, eu e algumas amigas fomos visitar um Orfanato em Minhas Gerais, o lugar chama-se “Direito de Sonhar”. É um lugar lindo e administradado por amigos muito queridos e nós nos comprometemos a voltar lá sempre que temos o tempo e o dinheiro para isto.

Resolvemos organizar um acampamento para as crianças da cidade. Convidamos todas as crianças da cidade em um dia para que estivessem lá no outro. Foi incrível, 34 crianças vieram, o que tornou todos os jogos, brincadeiras, atividades e histórias programadas muito mais divertidas. Isso não significa que foi fácil, ao contrário, foi muito difícil, éramos quatro jovens para 34 crianças. Graças à Deus pudemos contar com a ajuda de pessoas na cidade que nos auxiliaram com a alimentação, transporte e muita disposição.

Essa experiência foi muito rica para nós, tivemos que aprender como controlar essas crianças e ao mesmo tempo garantir que eles estavam se divertindo e aprendendo as coisas que tinhamos em mente quando resolvemos organizar esta bagunça toda.

E você? Como tem sido o seu verão?

Anúncios

Deixa eu brincar de ser feliz!

Abril 27, 2009

Porque meninos brincam de bola e meninas brincam de boneca? Dentro do pouquinho que entendemos em relação à Psicologia como um senso comum, normalmente assumimos como natural que meninas falem do “rosinha” enquanto meninos discutem o azul.

O que tenho visto com as crianças com quem trabalho é que na Educação Infantil as coisas não funcionam necessáriamente desta forma. A criança de 2 a 5 anos ainda pensa um pouco diferente. Inumeras vezes os meninos estão brincando com as meninas, de casinha, rimas e também com bonecas. As meninas também, podem até não gostar de todas as idéias propóstas pelos meninos, mas participam jogando segundo as regras deles.

Uma das coisas que melhor esclarece os diferentes gostos, no início não é tanto o instinto, mas a imitação. A criança imita a mãe ou o pai e simulam brincadeiras que refletem esse comportamento. Brincar de casinha, de cozinhar, de guerrinha ou de futebol são algumas das brincadeiras mais comuns. De qualquer maneira tudo começa em brincadeira, e essa fase deve ser curtida e experimentada com muita alegria. A criança aprende brincando e assim também constroe parte do seu conhecimento. A criança aprende a viver brincando, brincando de viver.

O interessante da observação das brincadeiras e epocas diferentes é perceber que as brincadeira ganham novos acessórios e apetrechos mas deixando as tecnologias de lado, podemos perceber que todas tem a mesma origem. Brincamos a vida toda, brincamos sobre a vida! !

Video dos Los Hermanos. Todo Carnaval Tem Seu Fim