Mamãe está grávida, de novo!

Grávida

Stela (mãe), Lelê (filha) e o meninão que está chegando!

A chegada de outro bebê a uma família onde já existe uma criança sempre traz uma tensão de drama e ciúmes para a vida familiar. A pedidos de uma leitora e colega muito especial, Stela Romano, neste post vamos falar sobre a chegada do primeiro irmão a uma família, e como lidar com seus filhotes enciumados.

Para nós educadores, é evidente a mudança de comportamento de uma criança que está para ganhar um irmão ou uma irmã. Mesmo as crianças mais “bem resolvidas”, como gostamos tanto de categorizar as pessoas que não aparentam problematizar muito as coisas, sentem-se extremamente abaladas em algum momento com a chegada de uma nova criança. Sentem-se substituídas, confundem a apreciação pelo outro com rejeição de si. O sentimento de que o mundo de repente não está mais em sintonia com as suas ações, mimos e vontades, sendo estes saudáveis ou exagerados.

As reações são diversas e não muito classificáveis, mas aqui vão algumas dicas que podem te ajudar a preparar o seu filho da melhor forma possível para esta situação:

– A primeira coisa a ser feita é contar ao filho mais velho, mostrando à ele que pode e deve se entusiasmar com você. Se você ficar preocupada, tensa e com medo de contar-lhe, ele pode acabar descobrindo. As crianças têm uma grande capacidade de captar as coisas “no ar”, elas sabem se o ambiente esta tenso e estão atentas às suas palavras e conversas. Evite este tipo de situação, pois você pode perder momento certo e a oportunidade de dividir isto com ele. A verdade é sempre a melhor saída.

Grávida– Envolva o seu filho na espera do bebê. Assim você pode incluí-lo em alguma etapas deste processo, por exemplo, mostrando-lhe as fotos do ultra-som ou pedindo ajuda quando for comprar alguma coisa para o bebê. Faça-o sentir que a sua colaboração é essencial.

– Torne deste tempo, uma fase animada para ele. Ajude o seu filho a sentir-se entusiasmado porque esta crescendo. Dê-lhes novos privilégios e “criança grande”, você pode estabelecer novos horários e atividades para ele, por exemplo: por ser mais velho agora ele pode ir sozinho com o pai, ou só com a mãe, uma vez por semana, tomar sorvete. Um tempo que é só dele com os pais (ou só com um dos dois).

– Se você está pensando em dar coisas do seu primogênito ao bebê que está chegando, faça com que primeiro, antes da chegada do bebê, ele “decida” dar estas coisas. Você pode conversar com ele e contar histórias de crianças maiores que ajudam seus irmãos mais novos dando à eles aquilo que não precisam mais porque agora já são mais velhos. As histórias não são a única opção, você pode fazer isso de diversas formas, o mais importante é que a decisão seja da criança.

– Na chegada do bebê, certifique-se de que a rotina do seu filho não seja abalada. Se precisar, peça ajuda de outros, mas principalmente nos primeiros dias, ele não pode se sentir esquecido. Explique como é difícil para o bebê a sua “chegada ao mundo” quando for para o hospital, e peça para que ele faça algum presentinho para o bebê, assim você o inclui nesta hora que ele não pode vivenciar com você.

O bebê que está chegando é um presente para toda a família, você vai ver!

Anúncios

Etiquetas: , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: